Reforma da previdência é criticada por relator da CPI no Senado

0
553

“Não é possível mudar a regra do jogo no meio da partida”, afirma Hélio José, sobre a reforma da previdência

Durante a 13ª audiência pública da Comissão Parlamentar de Inquérito da Previdência (CPIPREV), na tarde desta segunda-feira (19), representantes dos bancos públicos que mais devem à Previdência Social foram ouvidos. Na ocasião, o senador Hélio José (PMDB-DF) relator da CPIPREV, criticou as possíveis mudanças no sistema previdenciário brasileiro, em tramitação na Câmara dos Deputados, por meio da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/2016. O parlamentar defende que, novas alterações deveriam valer apenas novos trabalhadores.

O senador chamou de absurdo, a proposta do Executivo, que tenta mudar os direitos adquiridos dos trabalhadores. “Não é possível você estar jogando um campeonato e o governo querer mudar as regras do campeonato com o campeonato correndo, com todas as pessoas que entraram, assinaram um contrato e não valesse mais nada o contrato que assinaram”, disse Hélio José.

As críticas do parlamentar ocorrem porque, segundo Hélio José, tais mudanças prejudicam os servidores públicos, trabalhadores da iniciativa privada, além dos aposentados e pensionistas.

Privatização da previdência

O parlamentar observou que as novas mudanças da PEC 287/2016, em relação aos tempos de contribuições dos trabalhadores devem estimular a ‘privatização’ da previdência social no país.

Segundo Hélio José, com tais alterações as pessoas devem buscar no sistema privado a capitalização de recursos, de modo a garantir uma vida digna na aposentadoria, o que afirmou ser um risco para a seguridade social brasileira.

Por: ASCOMHJ | Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA