Hélio José critica venda de ativos da CEB

0
29

O senador Hélio José (Pros-DF) criticou o processo de desmonte da Companhia Energética de Brasília (CEB) e acusou o governador Rodrigo Rollemberg de “sanha entreguista”. Segundo o senador, a CEB é um patrimônio do povo do Distrito Federal e desempenha um serviço estratégico, mas Rollemberg teria ido contra suas promessas de campanha de valorizar e sanear a estatal de energia.

Hélio José, que chamou de “engodo” o argumento da austeridade fiscal para venda de ativos públicos, lamentou os cortes no plano de saúde da CEB, situação que prejudica especialmente aposentados e dependentes. O senador acrescentou que o governo do Distrito Federal pretende vender participações lucrativas da CEB em outras empresas sem definir o destino dos recursos arrecadados.

— Como é que um governador quer entregar um patrimônio da capital do país, como a CEB, para a iniciativa privada, pondo em risco toda a administração pública federal, na sanha simplesmente de se desfazer do que é público para dar para o privado? — questionou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA